Lutador de jiu-jítsu flagra roubo e imobiliza ladrão, Confira

Publicado em 02/01/2016 às 12h36

Um homem que havia acabado de praticar um assalto a uma idosa em Campinas, no interior de São Paulo, foi surpreendido no fim da tarde desta sexta-feira (1º). Ele foi derrubado e imobilizado por um lutador de jiu-jítsu e muay thai que passava pelo local, na Rua Santo Antonio Claret, no Jardim Chapadão, e viu o momento em que o homem fugia com a bolsa de dinheiro da aposentada de 74 anos.

"Eu estava passando [de carro] e flagrei ele assaltando uma senhora na esquina. Ele jogou a mulher no chão, pegou a bolsa e saiu correndo. Chegando aqui eu consegui o imobilizar", Hugo Gervásio, de 26 anos, ainda enquanto segurava o suspeito e aguardava a chegada da Polícia Militar (PM).

Após parar seu automóvel no meio da rua e ir para cima do assaltante, foram 20 minutos com os braços em volta do pescoço do homem. O lutador aplicou um mata-leão, nome de um golpe conhecido também como gravata.

Vários curiosos presenciaram a cena e apoiaram o lutador, antes da chegada dos policiais. Ele recuperou a bolsa da idosa e devolveu à ela. "Já passei por muitas situações como esta e não pude fazer nada. Sei muito bem o que eu estou fazendo aqui", disse Gervásio.

Segundo o soldado Allan Pisatto, que depois prendeu o suspeito juntamente com outros PMs, o homem detido é Cacielino Rocha, de 25 anos. "Ele já tinha passagem anterior na polícia por tráfico de drogas quando chegou a ser preso e solto", disse o policial militar. Questionado, o preso não quis falar com a equipe de reportagem para dar sua versão.

Segundo testemunhas no local, o suspeito carregava uma faca e, ao ser confrontado pelo lutador, a jogou para dentro de um quintal. A arma estaria dentro da mochila de Rocha.

Ainda se recuperando do susto, a vítima do assalto contou como foi a ação do suspeito. "Eu estava andando com a carteira embaixo do braço quando ele se aproximou e disse: perdeu! e saiu correndo". Ela disse ainda que não conseguiu ver se o homem estava ou não com a faca na mão. "Eu caí no chão", falou ela, mostrando um hematoma no braço. A mulher estava voltando da farmácia.

O suspeito foi levado para o 1º Distrito Policial (DP), onde o caso foi registrado como roubo.  "O ladrão detido confessou o assalto a idosa na delegacia e foi indiciado pelo crime, tendo de ficar preso agora", disse o soldado da PM.

Com informações e imagens do G1

Comentários

Luzinete de Santana Silva em 02/01/2016 13:48:18
Parabéns pra Hugo Gervásio!

Enviar comentário

voltar para Notícias

|||bnull||image-wrap|login news c05|c05|c05|login news c05|c05|c05|content-inner||